No período de Abril a Dezembro/15, os Conselheiros Fiscais, principalmente os titulares (Alessandro, José Roberval, Tereza (presidente) e Vitor),  estiveram presentes em todas as reuniões, com o objetivo de conhecer e analisar os processos e procedimentos da entidade.

Nas reuniões, buscamos sempre, decisões que deem segurança aos participantes quanto a correta administração dos recursos e para que seja assegurado o futuro financeiro de cada um.

Decidimos realizar reuniões mensais, objetivando alinhamento e tomadas de decisões das análises realizadas. Inicialmente tais reuniões foram presenciais, porém a partir de novembro/15 ficou acordado que realizaremos as Extraordinárias, através de vídeo conferência e as Ordinárias serão presenciais, além de somente receber jetons, das reuniões ordinárias, buscando sempre a redução de custos, tanto para a entidade SEBRAEPREV, quanto para as UF’s.

Estamos com uma responsabilidade, perante o Conselho Deliberativo com relação ao acompanhamento dos demonstrativos apresentados mensalmente, quanto aos empréstimos concedidos aos participantes, nas diversas modalidades, principalmente a Especial.

Mensalmente acompanhamos a situação e inclusive sugerimos que seja implementada ação de educação financeira para todos os participantes do Plano, visto que a situação exige controle e orientação a todos.

O conselheiro Alessandro se responsabilizou de tratar junto ao diretor-presidente do SEBRAE PREVIDÊNCIA e o Gerente da UCSebrae, para que em 2016 sejam implementadas ações efetivas de Educação Financeira.

A diretoria do SEBRAEPREV nos apresentou as Medidas de Gestão que estão sendo implementadas, principalmente com relação à renegociação dos contratos existentes.

O Conselho Fiscal é de parecer que não se renove o contrato com a KPMG, cujo objeto é de controlar os repasses realizados pelas UF’s, das contribuições mensais. Este trabalho será realizado pela equipe interna do SebraePrev.

Sugerimos à diretoria que, quando da apresentação do balanço e quadros demonstrativos trimestrais, seja elaborada Nota Explicativa quando a variação das contas seja superior a 10%, em comparação ao exercício anterior.

Para o exercício de 2016, já fechamos o Calendário das Reuniões e estaremos mensalmente acompanhando, analisando e colaborando com sugestões de melhorias dos processos e procedimentos do SebraePrev, cumprindo com o nosso compromisso perante o Conselho Deliberativo e assegurando aos participantes o correto controle e aplicação dos recursos.

O orçamento será monitorado trimestralmente, por ocasião da análise e aprovação do Balanço e Demonstrações Financeiras com o apoio técnico dos trabalhos da auditoria contratada.

Em 2016 vamos continuar fazendo a gestão dos valores dos empréstimos concedidos aos participantes e dando respaldo ao Conselho Deliberativo. Estaremos agendando reunião com o responsável jurídico para que este nos posicione e nos dê respaldo jurídico para que a instituição não tenha perca.

Uma outra proposta para 2016 é que todos os membros do Conselho Fiscal, titulares e suplentes, participem das reuniões, mesmo porque as extraordinárias serão à distância e não haverá nenhum custo adicional e quando possível, os suplentes participem também das reuniões ordinárias, para que possamos agregar valores e conhecimentos e para que TODOS possam realmente fazer parte do SEBRAEPREV, colaborando e se responsabilizando pelo que é nosso.

Conselho Fiscal do Sebrae Previdência