Na sua 5ª edição, o Fórum SEBRAEPREV de Economia aconteceu na tarde da quinta-feira (16), em Brasília. O evento, que é uma ação do Programa de Educação Financeira e Previdenciária do SEBRAE PREVIDÊNCIA – Planejar, já foi reconhecido pela Estratégia Nacional de Educação Financeira, com o recebimento do Selo ENEF, como uma ação que contribui para a disseminação do tema no País.

O V Fórum contou com mais de 130 pessoas entre Diretores, Conselheiros, Gestores, Participantes do Plano SEBRAPREV e representantes de fundos de pensão, além do diretor da Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc).

Evandro Nascimento, presidente do Conselho Deliberativo do SEBRAE PREVIDÊNCIA, abriu o evento e falou sobre o rápido crescimento do Fórum: Mesmo diante de turbulências, não esmorecemos, pelo contrário, o sucesso dos fóruns anteriores nos levou a estender o convite, ampliá-lo para que mais e mais trocas de conhecimento pudessem ser compartilhadas por todos os interessados.

A programação seguiu com as palavras do diretor-superintendente da PREVIC, José Roberto Ferreira. “É uma honra poder comparecer em um evento que tem absoluta relevância para o nosso sistema, cada vez que temos a oportunidade de compartilhar conhecimento e multiplicar boas práticas, é sempre muito bem visto. O Sebrae Previdência é uma entidade que, particularmente, tenho um orgulho muito grande. Tive a honra de participar desde a sua criação, em uma outra condição, do esforço que foi empreendido por todos os dirigentes, pelo seu patrocinador e por todas as pessoas que direta ou indiretamente acreditaram nesse sonho”, disse José Roberto.

O primeiro painel foi moderado pelo diretor-presidente do SEBRAE PREVIDÊNCIA, Edjair Alves, e teve como tema Cenários Macroeconômicos. Eduardo Loyo, ex-diretor de Estudos Especiais do Banco Central do Brasil, e palestrante do tema, falou sobre as perspectivas para os diversos setores da economia brasileira em 2016.

O vice-presidente do Conselho Deliberativo, José Ferreira de Melo Neto, moderou o painel que falou sobre liberdade financeira, sonhos, projetos e aposentadoria. Os temas foram discutidos entre os palestrantes Mônica Carvalho, jornalista e responsável pelo quadro de finanças do DFTV, No Fim das Contas, e Leonardo Gomes, Planejador Financeiro Pessoal e Familiar

Segundo Mônica, o começo da liberdade financeira está no hábito de organizar os gastos para saber quanto entra de dinheiro e quais as despesas fixas. Depois, é aprender a planejar para realizar sonhos, decidindo onde economizar e quanto poupar.

No contexto de aposentadoria, de acordo com o planejador Leonardo, liberdade é não depender mais da renda que vem do seu trabalho. É simplesmente poder decidir se gostaria ou não continuar trabalhando, e que a renda seja uma mera consequência, e não mais uma obrigação.

forum V Fórum discute cenários econômicos e liberdade financeira